Gandulla não era gandula

O futebol é o mundo onde a verdade sempre ao lado do misticismo, fantasia ou romance.

Uma verdade nem sempre é apenas uma verdade. Uma mentira nunca é uma mentira.

O futebol é o lugar das Estórias bem contadas, contos superfaturados, histórias triunfais. Perfeito para um esporte popular por ter jogadores reconhecidos como heróis nacionais.

Neste universo surge a história de Bernardo Gandulla. Jogador argentino, que como diz a história, deu nome a profissão de gandula.

Bernardo Gandulla foi um bom jogador argentino que veio jogar no Vasco da Gama, em 1939, ao lado de outros hermanos. Na época, a contratação foi milionária e houve embate entre quem era dono de seu “passe”.

Mas diferente da mítica, Gandulla não era banco do Vasco. Muito menos jogava pouco. Durante os 31 jogos que esteve no Vasco, o  jogador argentino jogou nada menos que 30 partidas, atuando como titular da equipe vascaína em quase todas. Gandulla anotou 10 gols.

Caiu por tese a ideia dele ficar no “banco de reservas”. Aliás, quando voltou para Argentina, Bernardo Gandulla teve sucesso no Boca Jrs e virou prêmio de melhor jogador do ano por lá.

Gandula, na realidade, é feminino da palavra gandulo, termo no dicionário atribuído a “menino que não tem ocupação, nem trabalho; gandula.” Termo muito utilizado para designar garotos no começo do século XX.

No campo esportivo carioca, desde as primeiras décadas, o termo “gandula” era utilizado para se referir aos jovens (“garotos”) que ficavam à beira do gramado ajudando a repor as bolas para o jogo:

“Sujeitava-me então á condição de “gandula”. Nem todos sabem o que significa a palavra “gandula”. Cabe, pois sobre ella, uma ligeira explicação: “gandula” é aquelle garoto que fica atraz do goal, para devolver a bola, quando for atirada fóra do campo, por algum “errado”… (Diario da Noite, 05 de agosto de 1933).

O termo já era utilizado anos antes de Bernardo Gangulla chegar ao Brasil.

A confusão começou porque antes do início do campeonato de 1940, a Liga de Futebol do Rio de Janeiro deliberou sugerindo que os clubes tomassem providência para que os “gandulas” fossem implantados:

f) – Que se sugira aos clubes filiados, para maior rapidez do jogo, a conveniencia de destacarem, como no tenis, garotos para apanharem as bolas nos fundos dos campos (Diario de Noticias, Rio de Janeiro, 25 de maio de 1940, p. 12).

O Vasco da Gama já era um dos maiores clubes do Brasil e a notícia foi modificando até chegar ao jornal paulista “A Gazeta”

“A Gazeta”, de São Paulo, publicou: “Os Gandulas”

“A Liga Carioca pretende oficializar os “gandulas”. São os meninos que, na Europa, ficam atrás das metas para apanhar a bola e que aqui tambem foram colocados no Estadio do Pacaembú, quando do “Toneio Relâmpago”. A denominação de “gandula” nasceu das atitudes do jogador argentino do mesmo nome, cuja passagem, pelo Vasco, se tornou notoria por ir apanhar todas as bolas que saiam e, pondo o couro debaixo dos braços, dirigia-se ao árbitro para reclamar qualquer coisa, com ou sem motivo…Esses cariocas…”

E a resposta Carioca veio logo sem seguida no Diário de Notícias

” O confrade paulista está equivocado. O termo “gandula” tem mais de 20 anos de uso no Rio e não foi sugerido por nenhum jogador desse nome. Naturalmente, o colega pretendeu romancear… Sem a menor idéia de imitar os europeus, os cariocas se utilizavam dos “gandulas”, principalmente nos campos antigos, quando eram circundados por muros baixos, para terem de volta a bola, sem grande perda de tempo, sempre que alcançava a rua. Ignoro como nasceu a palavra “grandula”, mas posso garantir não ser exata a origem assinalada pelo citado jornal. Alem disso, o jogador Gandula não se tornou conhecido pela atitude que lhe foi atribuida […] (Diario de Noticias, 30 de maio de 1940, p. 12).

Já era tarde. Estava feita a confusão. Ou melhor, mais uma criação FANTÁSTICA deste mundo saboroso que é o futebol.

Esse texto foi baseado na pesquisa do historiador Walmer Peres Santana do Centro de Memória do Club de Regatas Vasco da Gama.

Obrigado!

 

Matéria completa no site oficial do Vasco da Gama

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s