10 fatos que explicam porque a copa de 1994 é inesquecível – Parte 1

Se você está lendo este texto, das duas uma: ou tem quase trinta anos e se apaixonou por futebol assistindo a Copa do Mundo de 1994, ou tem menos de vinte anos e não consegue entender o motivo do Mundial realizado na Terra do Tio Sam ser algo quase sagrado para quase toda uma geração. Se seu caso for o segundo, não se preocupe: aqui você encontrará dez motivos,ou para chorar de emoção relembrando cada momento, ou para entender toda a paixão que a Copa de 94 desperta em milhões de pessoas.

1 – A seleção dos Estados Unidos: Todo time começa por um grande  goleiro. Exceto a seleção anfitriã da Copa de 1994, que começava com um goleiro  grande. Tony Meola era um jogador acima do  peso, o que costumamos chamar  de gordinho simpático. Para completar, o penteado rabo de cavalo de Meola o tornava mais carismático.
Se o goleiro tinha cara de  “amigo paga lanche”, no miolo de zaga, as coisas mudavam de figura. O zagueiro Alexi Lalas, com sua cara de caminhoneiro  selvagem se tornou um dos ícones daquela Seleção. Junto de seu não menos mal encarado parceiro Marcelo Balboa,f ormou uma dupla a ser temida. Isso  sem contar a fantástica bicicleta de Balboa contra a  Colômbia.  Para finalizar, o técnico era o mágico Bora Milutinovic.
eua
2 – A Seleção da Bulgária: O  time Búlgaro  estava cotado para ser  um dos grandes sacos de pancada em 1994.Nem mesmo o fato de ter eliminado a Seleção Francesa nas Eliminatórias fazia com  que  alguém acreditasse nos parceiros de Stoichkov. E as expectativas estavam se confirmando logo na estréia, quando tomaram uma sapatada da Nigéria.
Porém, na segunda rodada, golearam  a Grécia, e na terceira conseguiram uma inesperada vitoria por 2 a 0 em cima da poderosa Argentina.
Pela primeira vez, se  classificaram para  as oitavas de final. Em um jogo que teve até troca de traves, venceram o México nas penalidades máximas.
Quando ninguém imaginou que pudessem surpreender mais, conseguiram eliminar a então campeã do Mundo Alemanha, vencendo por 2 a 1,gols de Stoichkov e de Lechkov, que usou sua lendária careca para sacramentar a vitoria Búlgara.
Na semifinal, deu trabalho para a Itália,mas perdeu.
Assim como perdeu na disputa de terceiro lugar para a Suécia. Na verdade, foi humilhada.
Pouco importa. O time em que quase todos os jogadores tinham o nome terminado em “OV” fez  historia, e é lembrado com muito carinho até hoje por quem acompanhou a Copa há vinte e um anos.
eua
3 – A Seleção da Suécia: Alguns  jogadores merecem destaque no elenco da Seleção Sueca,que conseguiu um surpreendente terceiro lugar em 1994.
Começando pelo experiente goleiro Ravelli, que além de ser um ótimo arqueiro, fez várias palhaçadas  para as câmeras durante o Mundial.
Henrik  Larsson , então um jovem atacante, com um  dos penteados mais legais da Copa, em  uma época em que cabelos diferentes eram realmente originais.
Martin Dahlin, o sueco menos sueco do Planeta Terra.  Duvido que você nunca questionou a origem do atacante.
No aspecto futebolístico, a Suécia foi uma  equipe valente e bem aplicada, que conseguiu dificultar muito  as coisas para a Seleção Brasileira: um empate por um gol na  primeira fase e um 1 a 0 suado na semifinal, graças a um gol salvador de Romário.
Esse time, que conquistou o terceiro lugar, prova que a Suécia antes de Ibrahimovic era muito mais aterrorizante.
eua
4 – A Seleção da Romênia: O futebol mais bonito que um time praticou na Copa. Comandados pelo monstruoso Gheorghe Hagi, os romenos  encantaram o mundo,quando espancaram a Colômbia na primeira partida do torneio. Com um futebol  envolvente, fizeram 3 a 1 em cima de uma das maiores favoritas ao título.
Na segunda partida, conseguiram ser goleados pela Suíça,porém, venceram os donos da casa na terceira rodada, e se classificaram para as oitavas,onde encontrariam a Argentina.
Em uma partida eletrizante, venceram nossos vizinhos por 3 a 2, com Hagi protagonizando uma atuação digna de Zidane contra o Brasil em 2006.
Perderam para a Suécia apenas nas penalidades máximas nas quartas de final.
Ao lado da Bulgária, é a Seleção mais lembrada pelos torcedores.
eua
5 – A comemoração  de Bebeto: Após marcar o segundo gol do Brasil na vitoria por 3 a 2 sobre  a Holanda, Bebeto homenageou seu filho, Matheus, que havia nascido dois dias antes.
Até hoje, a comemoração é imitada. E Matheus  já virou jogador profissional…
eua
6 –  A comemoração de Galvão Bueno: Vinte e quatro anos sem  ganhar um título mundial. Vitoria contra a eterna rival Itália,engasgada desde 1982. Nos pênaltis.
Todos estes motivos foram suficientes para Galvão Bueno quase infartar, e soltar um grito que muitas pessoas entoam até hoje,em qualquer situação: É TETRA!!!
eua
7 – O  gol de Saeed Al-Owairan: Marcar um gol em Copa do Mundo é uma ocasião para poucos. Marcar um gol jogando debaixo de um sol de rachar mamonas, pela Arábia Saudita, é mais louvável ainda.
Saeed Al Owairan fez tudo  isso,com um pequeno detalhe: driblou meio time da Bélgica antes de fazer o gol. O mais belo gol da Copa.
8- A artilharia “mentirosa” de Salenko: O Russo Oleg Salenko marcou seis gols na Copa de 1994. Cinco  deles, em cima de Camarões, pela última rodada da primeira fase, com as duas equipes já eliminadas.
Sabe aquelas partidas de churrasco,onde quem fizer o gol vence? Então…
Vale ressaltar que em 2010,Salenko cogitou vender o troféu que recebeu pela artilharia para saldar dívidas.
eua
9 – O sofrível Grupo E: Formado por Itália, Noruega, México e Irlanda, o  grupo E terminou com TODAS  as equipes somando uma vitória, um empate e uma derrota,  e com  saldo de gols zerado.
Para completar a bizarrice, o México ficou em “primeiro” lugar do grupo, e a Irlanda em “segundo”. A Itália se classificou como  uma das melhores “terceiras” colocadas, por ter marcado um gol a mais que a Noruega, mesmo jogando com um a menos,já que Gianluca Pagliuca conseguiu a proeza de ser o primeiro goleiro a ser expulso em uma Copa. Além de tudo, o grupo contava com Jorge Campos.
eua
10 – A comemoração de Rashid Yekini: Para muitos,o maior momento do Mundial. Uma  das comemorações mais marcantes de todos os tempos.
A imagem de Yekini chorando e levantando suas mãos aos céus, agradecendo o primeiro gol da Nigéria  em Mundiais, é de arrancar lágrimas do menos sentimental dos seres humanos.
O jogador Nigeriano já não está mais entre nós,mas deixou  sua marca.
eua
Em breve, a parte dois!
Até a próxima, galera!
 por Mateus Ribeiro
Anúncios

9 comentários sobre “10 fatos que explicam porque a copa de 1994 é inesquecível – Parte 1

  1. Cara, essa imagem do Yekini nas redes é linda demais! Ilustra todo o sentimento que temos pelo futebol verdadeiro…

    Curtir

  2. Esqueceu de mencionar o Thomas Brolin da Suecia! Atacante gordinho mas de tecnica fora de serie! Jogava muiiita bola pelo Parma no Calcio, aquele campeonato fraquinho que a gente assistia na Band no domingo de manha… Larsson em 94 era garoto, Brolin era a estrela! Fez 3 gols na Copa e entrou para a Selecao da Copa de 94 eleita pela FIFA.
    O gol de falta ensaiada no jogo contra Romenia entrou para historia das Copas!

    Curtir

  3. Fora o romantismo que envolve o futebol moralizador dos anos 90 e o título da falecida Seleção Brasileira, dá pra dizer que foi uma copa mediana.
    Não esquecem que essa conquista consagrou Parreira como grande treinador de futebol. Um retranqueiro que virou referência.
    Também foi ali que se deu início à era do “futebol-espetáculo”.
    Por fim, uma copa disputada nos EUA nunca deveria ser considerada a melhor!

    Curtir

  4. Um fato inesquecível naquela Copa de 1994 foi aquele gol do Branco q nos deu a vitória contra a Holanda. Aliás, ñ só o gol, mas o q aconteceu dps. Na comemoração, ele correu enlouquecido para o banco de reservas, aos prantos, para abraçar o médico do time, o já falecido Lídio Toledo, q foi peça-chave na sua recuperação. Um momento mágico da Copa dos EUA.

    Curtir

  5. Um fato inesquecível naquela Copa de 1994 foi o gol q nos deu a vitória contra a Holanda. Aliás, ñ só o gol, mas o q aconteceu dps. Na comemoração, Branco correu enlouquecido para o banco de reservas, aos prantos, para abraçar o médico do time, o já falecido Lídio Toledo, q foi peça-chave na sua recuperação. Um momento mágico da Copa dos EUA.

    Curtir

  6. Parabéns pela matéria! Passou um filme pela minha memória em cada item mencionado com um saudosismo q com certeza o futebol de hoje nunca me trará. Como era goleiro na infância me marcou muito o frango do Pat Bonner da Irlanda contra a Holanda e o Preud’homme q foi um dos melhores goleiros q já vi indo para área tentar cabecear no final do jogo contra a Alemanha. Q eu me lembro foi a primeira vez q vi um goleiro ir para a área.
    Até o álbum de figurinha foi o mais legal heheh
    Mais uma vez parabéns!

    Curtir

  7. Simplesmente a melhor copa q vi e por tudo q contaram acima quase chorei ,lembrar de hagi, stoichkov preudhomme e claro,Romário putz eu morava num colégio interno com meus amigos irmãos e nunca esquecerei a gente comendo pipoca e correndo pra soltar bombinhas quando o Romário fazia gol ,quando Bebeto pegava na bola a gente já se preparava para sair correndo gritando passando pela parte onde ficavam as meninas pq era um internato de meninos e meninas e na maior alegria e emoção do mundo ..não tenho palavras pra explicar lembro de cada detalhe aqui na minha mente ..sentimento único a melhor de todas as copas ,Suécia nos deu trabalho mas passamos por ela graças a Romário pra mim o melhor de todos q vi jogar até hj
    Por fim tudo isso se tornou mágico e nostálgico dentro de mim pq foi a melhor fase da minha vida morar na uoj união das operárias de Jesus o nome do internato onde vi essa copa com meus amigos irmãos… Quase chorei de novooo putz 1994/eterna melhor copa
    Fim

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s