Lusa: o futebol era imprevisível; hoje, é injusto

A Portuguesa caiu mais uma vez. O time do Canindé, das belezas da Zona Norte paulistana, próximo à rodoviária do Tietê, das saborosas alheiras pré-partida, da camisa fiel às origens, da torcida genuinamente apaixonada – sem modinha, cabelinho, instagram.

E agora, Lusinha?
E agora, Lusinha?

A Lusa, nossa querida, namorada oculta de muitos e tão aviltada nos labirintos de regulamentos, trapalhadas e esfomeadas sacanagens. No seu relvado, quantos fados foram orquestrados nos pés de Enéas, Dener e – por que não? – Rodrigo Fabri, Diogo e outros.

Assaltada sequencialmente, de modo frio e impiedoso, traja suas roupas rasgadas em uma caminhada escura por um túnel aparentemente sem fim. Desmandos gerenciais, técnicos, miopia e outras causas levam o clube a essa infindável depressão.

Quando o futebol era vivo, a delícia era a sua imprevisibilidade. Hoje, a doença maior é a injustiça. Não conseguimos suportar um Fluminense comemorando uma vaga contra o Madureira com sorrisos largos, aparentemente sem a menor ruga de culpa pela virada de mesa em 2013.

Enquanto isso, a Lusa dá seus suspiros, mas eles são brisas muito leves perto do vendaval que a faria chacoalhar o suficiente para voltar aos trilhos.

O futebol atual é uma merda.

 

#RIPLusa

#RIPFutebol

Anúncios

3 comentários sobre “Lusa: o futebol era imprevisível; hoje, é injusto

  1. Eu queria ver se falariam a mesma coisa se a mesma Prostituta de Desportos tivesse conseguido virar a mesa em 2002, com um suposto jogador irregular do Fla-Emo.
    É mais fácil atacar o Fluminense, que é um alvo mais fácil, e ainda constatando de uma comemoração a classificação no CARIOCA – a mostra de que o cu tem muito a ver com as calças.
    Que ridículos.

    Curtir

  2. Enchem o cu de maconha e falam um monte de merda, só pra defender a Prostituta de Desportos.
    Qualquer castigo pra esse time desprezível é pouco.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s